segunda-feira, abril 19, 2010

The Banger Sisters - Cynthia Plaster Caster

E por falar em rock'n'roll e como neste blogue se fala das coisas da vida assim em geral e porque ele existe apenas para nos divertirmos, bora lá aqui fazer umas postagenzinhas sobre aquelas meninas a quem, tão carinhosamente, Frank Zappa chamou "The Banger Sisters". Até já fizeram um filme com este nome e tudo, com as nossas queridas Susan Sarandon e Goldie Hawn.
Vai daí e, como todos nós sabemos, junto das bandas de rock, vem as groupies. E não é preciso ser uma banda famosa, bandas underground e bandas covers também trazem as suas groupies, e bastante até.
As groupies, são aquelas pequenas que vivem intensamente o rock, acompanham os seus ídolos a todo e qualquer lugar por onde tocam e que têm “intimidade” suficiente para se tornarem, além de simples fãs, namoradas, amantes, amigas vá, de grandes estrelas da música (ou nem tão estrelas assim).
Mas não pensem que o “trabalho” delas é só fora de cena. Elas já influenciaram muitas bandas, causando discórdia entre amigos, inspirando músicas e muito mais. Tanto que, muitas delas ficaram famosas, às vezes mais famosas do que as bandas que acompanhavam. Sim, ser groupie é um trabalho que, digamos assim, dá um certo prestígio. E até já se deu o caso de alguns músicos se apaixonarem mesmo por uma ou outra e vai de casar com a menina. Lá mais para a frente, veremos exemplos desses.

Definitivamente, uma das histórias mais divertidas a respeito de groupies, envolve Cynthia Plaster Caster (n. 1947, Chicago) uma estudante de 18 anos de artes plásticas, que mostrava de forma algo inusitada, todo o seu amor pelo rock e que gostava de provar (literalmente) as suas conquistas, fazendo réplicas de órgãos sexuais dos ídolos aos quais teve acesso.
As "Plaster Caster Girls", como gostavam de ser chamadas, eram um selecto grupo de meninas que, após darem umas cambalhotas com os seus ídolos, faziam uma cópia dos seus genitais em gesso.
Normalmente, as pequenas agiam em dupla: enquanto uma "entretia" o rockstar, para garantir que o molde ficasse com o formato desejado, a outra era responsável pela parte "artística" da coisa.

Cynthia e o molde do coiso de Jimi Hendrix (diz ela...)


A primeira vítima dos moldes de Ms. Plaster Caster foi o mago da guitarra e grande adepto das groupies: Jimi Hendrix. Depois de um show no Civic Opera House, em Chicago, em 1968, Cynthia e uma amiga arranjaram maneira de abordar o astro. Foram com ele para o hotel, conversa para cá, conversa para lá, e agora imaginem esta cena para lá de bizarra: Hendrix, deitado nú, enquanto as duas pequenas envolviam a sua genitália em gesso. Como ainda não tinham muita prática, não lubrificaram o suficiente a pele do pénis e o resultado foi desastroso. Ele era gesso por todo lado enquanto as desesperadas meninas tentavam consertar o estrago. Enquanto isso, o bem humorado e desinibido Hendrix limitava-se a dizer "no problem" (assim é que é, ó Jimizinho!) . Cynthia revela que o molde foi quase perdido, pois, na ânsia de ver o resultado, a moça não aguentou esperar o tempo mínimo de secagem do gesso. A réplica acabou por se partir, mas Cynthia lá conseguiu colá-lo direitinho.
No ano 2000 foi inaugurada em Manhatan, NY, uma exposição chamada "The Life Casts Of Cynthia Plaster", onde se podiam ver mais de 40 dessas esculturas, tanto de "astros" quanto de roadies e empresários. Pois é, parece que as meninas não perdoavam ninguém... Hoje em dia, todas estas... hãããã, obras vá, permanecem guardadas num cofre de um banco.

A produtora Vivid lançou um filme com cenas de Jimi Hendrix fazendo sexo com duas mulheres. Uma delas, a famosa Cynthia Plaster Caster, faz comentários e mostra o membro esculpido do músico na fita.
Segundo o The New York Times, o rosto do lendário guitarrista do rock aparece por completo apenas alguns segundos na suposta sex tape, deixando dúvidas sobre a veracidade do material
. (assim de repente, até parece ele)

Gostaram? Stay tuned, for another cartoon!

3 comentários:

Azelpds disse...

O jimi é que a sabia toda ahah, belo post. A ver se tenho cuidado, não vá alguém resolver fazer um destes modelos de gesso comigo. :p

expressodalinha disse...

Nada de especial, o "coiso". Para quem incendeia guitarras...

roserouge disse...

Azelpds: tens que olhar bem prás mãozinhas das meninas...

Jorge: tamanho não é qualidade...