terça-feira, julho 07, 2009

Retrato do Artista Enquanto Jovem - 111ª parte

Já estive em mais colos que um guardanapo.
Quem é, quem é?

20 comentários:

Caçador disse...

E o que tens no bolso?

roserouge disse...

Qual bolso? Agora, nada. Não tenho bolsos.

Victor Afonso disse...

Marlon Brando?

expressodalinha disse...

é feio como o caraças...

Caçador disse...

Tens uma arma no bolso ou só estás feliz por me ver? ...qualquer coisa assim...

Alice Salles disse...

Quem é?! Esse bebe nao parece com ninguem!

jw disse...

o Caçador tem razão, é a menina que dizia que a melhor maneira de arranjar energia para fazer a lida da casa era masturbar, mas não até ao fim, e usar a pica para passar o vacuum cleaner... a única a quem os estúdios deixavam escrever as próprias deixas....

roserouge disse...

Ai que lindinhos, todos tão baralhados, que cridos... conseguiram também baralhar-me a mim... não estou a ver quem era essa do aspirador. Esta foto é do princípio do sec. XX e é uma menina. E não estou a vê-a a aspirar coisa nenhuma a não ser os dólares do bolso dos incautos. Ó jw, desculpa lá mas... quem é que dizia isso do "masturbar, mas não até ao fim"? E como é que se consegue parar a meio? E vai-se parar uma coisa daquelas para ir limpar a casa? Credo! Ai, há pessoas muito estranhas neste mundo... valha-me Deus!

PAULO LONTRO disse...

Opá com masturbação ou não, esta maluca só pode ser a Mae do Oeste...

PAULO LONTRO disse...

Não deixa de ser curioso como a boca pequenina se manteve a vida toda. Os cabelos, esses, sempre foram loiros mas com caracois.

No fim dos anos 20 foi a 8 dias de prisão, por "corromper a juventude"... lol..lol... ensinou-os a masturbar com o aspirador...sería ???
Em 1966, fez dois álbuns de rock com membros dos Beatles.
Será verdade?

jw disse...

Bem! masturbar-se, sem ir até ao orgasmo, não é assim tão complicado! Assim o conta a Mae West na sua autobiografia, sim. Ainda conta mais coisas, mas se começo nunca vou para de explicar, eu.

roserouge disse...

Pronto, pronto, é a Mae West, sim... que sempre foi uma rapariga muito endiabrada, pois foi. Se ela dizia que era possível, quem sou eu para desdizer, eu que até nem percebo nada disso... até porque este blog quer-se respeitador da moral vigente. Mas... com um aspirador? Já ouvi muita coisa, mas essa do aspirador é nova...safa! Como diz o Jorge: aprende-se muito nos blogs...

roserouge disse...

É claro que não é nada complicado. Basta tirar a mão...

PAULO LONTRO disse...

Bem... quem diz a mão, diz outra coisa qualquer...
Poix...

roserouge disse...

Parece que naquele tempo ainda não havia daqueles ajudantes, sabes... aqueles que levam uma pilha na base e fazem bzbzbzbzbzbzbz, tremem por todo o lado. Sendo assim vai de aspirador. Mas parar a meio e ir limpar a casa?!?!?!?!

PAULO LONTRO disse...

O facto de não haver pilhas limita muito pouco a imaginação e as possibilidades.
O que é de facto de pasmar é mesmo parar e ir fazer a “lida” da casa, essa, eu nunca tinha ouvido falar…

roserouge disse...

Pois olha, nem eu. Cheguei à seguinte conclusão: se uma mulher (partindo do princípio que está sózinha naquele momento) se põe a fazer cócegas na couve roxa e não vai até ao fim, é porque aquilo se calhar não está a correr lá assim muito bem... é como quando morde um mosquito: "ai, que chatice, mordeu-me um mosquito" e zás, dá-lhe uma palmada. Se for assim, então tá bem...

Eduardo P.L disse...

Que conversa!!!!!hahaha

jw disse...

mas o que é que eu escrevi?!? o aspirador não tem nada a ver com os solitários prazeres da senhora. Trata-se de usar a energia sexual, (fomentada com que meios for, mas não exausta) para fazer a lida da casa, para qual ninguém nunca tem vontade...
Isto segundo uma estrela do ambiguo que sempre deve ter mandado numa armada de mulheres a dias...

jw disse...
Este comentário foi removido pelo autor.